02 julho 2010

Liberalismo e Teologia Relacional: O evangelho dos bebês chorões



Desculpa por destruir o seu patriotismo hipócrita que ressurge a cada quatro anos, mas há algo que nem a copa do mundo consegue disfarçar: O Brasil é o maior depósito de sucata teológica do mundo. Tudo o que não funciona nos países de primeiro mundo é trazido, adaptado e aplicado aqui na república dos bananas.

Uma das mais recentes porcarias importadas para o nosso país se chama Teologia Liberal. Mas, o que é essa tal de “Teologia Liberal”? Bem, trocando miúdos, podemos dizer que teologia liberal é um movimento teológico com raízes no século XVIII, que mescla doutrina bíblica com filosofia e ciências sociais, propondo uma exegese subjetiva e a relativização do texto sagrado.

Há algum tempo atrás, uns pirados começaram a sobrepor-se à autoridade das Escrituras. Um destes caras, chamado Rudolf Bultmann, disse que é impossível interpretar um texto sem pressuposições, então ele passou a interpretar a bíblia à luz das suas crenças pessoais. Como neste mundo heresia se propaga como mato (e o diabo também dá uma mãozinha neste processo), um monte de babões com vontade de aparecer acompanhou o Bultmann na sua loucura, e logo a coisa se espalhou.

Permita-me um parêntesis, pois quero te explicar o quanto a interpretação do senhor Bultmann e dos seus colegas liberais - tanto dos seus antecessores, como dos seus sucessores - é absurda:

Imagine que você um dia escreva um livro, contando uma história que você considera muito importante, e falando acerca das suas crenças. Digamos que eu receba o seu livro, contando a sua história, e comece a interpretá-lo à luz da minha vida, das minhas crenças e da minha história. O que você acharia disso? Já te imagino dizendo: “Ei, espera aí: Não foi isso que eu disse!”, ao que eu ia responder: “Não importa o que você disse, mas o que eu penso que você deveria dizer”. Seria uma loucura!

Feito este parêntesis, volto aos trilhos para dizer que nenhuma interpretação de texto pode ser mais burra e ao mesmo tempo mais arrogante que as ideias dos teólogos liberais. Ora, o seu texto não deve ser interpretado de acordo com as minhas crenças e minhas ideias, e sim de acordo com as crenças e ideias do autor. E não foi no seminário que aprendi isso, mas nas aulas de língua portuguesa e literatura do ensino fundamental. Gente, isso é óbvio demais!

Porém, apareceram no cenário teológico brasileiro uns caras pirados que querem interpretar a bíblia a luz das suas crenças, e que negam (ou na melhor das hipóteses, reinterpretam) o sentido do pecado, da salvação, da vida eterna em Cristo, e alguns chegam a negar a morte vicária (morte pelos pecados) de Jesus, bem como o seu nascimento virginal.

Alguns destes caras, com seus corações dominados por pressupostos mundanos, praticam uma exegese afeminada e começam a chamar Deus de mãe! Segundo eles, a paternidade de Deus é o reflexo de um principio machista que predomina nas culturas antigas, mas agora, os suprassumos da intelectualidade pós moderna, pastores fracassados que abdicaram da teologia bíblica em virtude de seus pecados e que agora ficam posando de filósofos existencialistas quando na verdade sequer conhecem a obra de Sartre ou Kiekgaard, bagunçam ainda mais o coreto evangélico nacional, pregando uma teologia do Deus “maricas”.

Sinceramente, creio que alguns pastores ao invés da “Água Branca”, andam tomando água turva nas fontes seculares do paganismo pós-moderno, e na tentativa de ser relevantes, acabam pagando de palhaços aos olhos de quem tem o mínimo de conhecimento teológico-filosófico e um pouquinho de discernimento. Outro, ao invés de dirigir os pecadores à Casa de Misericórdia (pois este é o significado da palavra “Betesda”), ensina as pessoas a confiarem num Deus fracassado e trapalhão que há muito tempo atrás perdeu as rédeas do Cosmos e agora deposita toda a sua fé em gente miserável e pecadora como nós. Sim, já não é o homem que tem que depositar sua fé em Deus, mas Deus é que tem que acreditar no homem.

Percebeu o grau da loucura destes pastores?

Seus sermões trazem um pouco de tudo, porque eles são bem ecléticos em suas crenças. De um modo inexplicável, estes dois pastores conseguem reunir o que há de pior em cada sistema teológico, bater tudo no liquidificador, acrescentando ao final uma colher de Open Theism, e assim fazem a sua omelete epistemológica.

Mas esta omelete liberal e neoarminiana tem dado indigestão em muita gente, e penso que é tempo de focar nossa munição em denunciar estes bebês chorões, quase sempre deprimidos em seus artigos, que reclamam de tudo, pregam contra a injustiça social e a disparidade dos povos, mas retiram dos crentes o que eles tem de mais precioso: “A crença em um Deus soberano e criador, o qual tem todas as coisas sob controle, que intervém diretamente na história, fazendo com que todas as coisas cooperem para o bem dos que lhe amam, e dos que por seu divino decreto foram chamados”.

Q
uem lê, entenda.

9 comentários:

Alice disse...

Olá Leonardo ! Parabens pelo novo Blog , está lindo e de fácil leitura! Muito bom !

Já estu a seguir este tb.

abraçosss

Alice


www.alicenopaisdopensamento.blogspot.com

www.verdadesnuas.blogspot.com

Márcio Melânia disse...

Paz Leo,

Que Deus te abençõe neste novo empreendimento.
Tenho acompnhado o Púlpito e é claro também estaremos juntos neste aqui.

Tem alguma notícia de nosso amigo de Barreiros? Eu falei com ele faz mais de 15 dias...

MINISTÉRIO BATISTA BERÉIA disse...

graça e paz Léo,
parabéns pelo novo blog, já estou seguindo.
Fique na Paz!
Pr. Silas

Leonardo Gonçalves disse...

Alô Márcio,

Também conversei com ele faz tempo, e as notícias nao foram boas. Depois disso deixei recado no MSN e mandei um e-mail (com cópia para você). Nao houve resposta, e continuo preocupado.

Obrigado pela força também aqui.

Paz e bem.

Leonardo Gonçalves disse...

Grande pastor Silas!

Como vai, amigo? Tá frio aí na serra?

Em novembro vou por aí se Deus permitir.

Abraço.

Anônimo disse...

Fez muita mencao, porem, nenhuma citacao o que acaba com seus argumentos.

Voce atribuiu ideias que nunca sairam da boca ou da pena de quem voce critica. Alguem chegou a conclusao que um dos pastores que voce mencionou e ao mesmo tempo nao mencionou eh defensor da teologia liberal, voce acreditou e ponto final.

Se era para ser uma parodia do Pr. Mark Driscoll, no fim, acabou parecendo mais com a fala do Pr. Silas Malafaia atacando seus criticos - muita gritaria, pouca razao e argumentacao.

Obs o teclado do meu pc esta desconfigurado para acentos.

Rodolfo.

Leonardo Gonçalves disse...

Rodolfo,

Nao era para ser "paródia" de ninguém. Aliás, paródia é o que a dupla dinâmica tem feito com o evangelho.

O nosso amigo da Betesda nao acredita na Bíblia, mas em si mesmo. Na melhor das hipóteses, ele crê naquilo que quer.

Prova?

"Esses eventos tenebrosos me levaram a admitir que já não leio a Bíblia com as mesmas lentes. Abandonei a idéia de que os massacres do Antigo Testamento foram ordens divinas. Entendo que os genocídios relatados na Bíblia foram cometidos com as mesmas motivações políticas, com os mesmos interesses econômicos e com ambições nacionalistas iguais as atuais, mas atribuidos a um deus guerreiro". [GONDIM, Ricardo: Gaza e as liçoes que aprendi ]

Qualquer criatura que acompanhe a trajetória do Gondim sabe que este é apenas um dos muitos textos que tentam desacreditar a autoridade e inspiraçao da bíblia.

E o que dizer do nosso colega da Água Branca? Faz tempo que vem se embreagando na água turva do Open Theism, e adula o "deus trapalhao", este sim, uma paródia do McGyver, que sempre tem um tal plano B para sair das enrascadas:

"Fiz visitas pastorais a duas mulheres que vestem luto. Lá pelas tantas uma delas disse entre lágrimas: “Deus deve ter as razões dele para levar meu filho, mas está difícil de entender”. Após um silêncio cauteloso e respeitoso, perguntei se ela considerava a possibilidade de Deus não ter tido razão alguma na morte de seu filho. Ela aquiesceu e enxugou os olhos, como quem diz, “é, você tem razão, Deus não tem nada com isso"

Que diferente é o Deus da Bíblia! Ele diz que nem um pardal cai por terra sem que o saiba (Mateus 10:29-31). Ele sempre executa a sua vontade. Sua soberania abrange todas as coisas, até aquelas que nao entendemos!

Bem, eu podia continuar essa conversa aqui, mas amanha é outro dia, e se tratando da dupla mencionada, nao há segredo quanto as suas doutrinas esquisitas. Entao, vou dormir!

Boa noite pra ti, meu caro. E que Deus nos defenda desse "deus diferente" e dessa "outra espiritualidade"


Léo.

PS: Da próxima vez, use um pèrfil do blogger para comentar. Nao permitirei comentários anônimos.

Leonardo Gonçalves disse...

Em tempo:

O texto do Ed René que cito no comentário está disponível aqui: http://outraespiritualidade.blogspot.com/2006/10/por-trs-das-tragdias.html

Grupo Séquito disse...

Nunca tinha visto seo blog, amis gostei muito...
obrigada

sequitodeadoracao.blogspot.com

obs: blog do meu grupo nós somos da igreja Metodista Wesleyana.
Paz de Jesus!!

Postar um comentário

 

Copyright © 2010 Pastor Leonardo Gonçalves | Blogger Templates by Splashy Templates | Free PSD Design by Amuki